Cadastre-se

Induzir a curiosidade na educação infantil


A observação é uma das formas de aprendizagem.

A ciência tem suas particularidades e seu ensino requer uma atenção especial. No mundo em que vivemos, onde os avanços tecnológicos é que regem tudo, o desenvolvimento científico exerce um papel fundamental para formar o cidadão. E para auxiliar esta busca pelo saber, a escola deve renovar sua metodologia de ensino para não ficar desatualizada. A idéia aqui é propor aulas de ciências adaptadas para a educação infantil, com situações-problema relacionadas ao cotidiano do aluno que o leve a observação, reflexão e aprendizado.

Sugestões de aula para despertar a curiosidade:

O principal objetivo é induzir o aluno a fazer perguntas e elaborar hipóteses, o professor será o mediador na análise do experimento. Veja abaixo algumas idéias para o contexto:

Pesquisa: Pesquisar é procurar respostas para solucionar problemas em fontes confiáveis: livros, jornais, revistas e internet. Essa atividade não será proveitosa se for limitada apenas à coleta de dados, a sugestão é que se realize previamente alguma demonstração da teoria na prática, por exemplo, a dissolução de sólidos em líquidos, para esta tarefa será preciso sal e água.

- dissolva 1 colher de sal em um copo de água, o que acontece? O sal se dissolve na água, mas será que todo sólido é solúvel em água?

Esta simples demonstração será suficiente para despertar um maior interesse pela pesquisa relacionada ao assunto.

Observatório: você vai precisar de uma plantinha em crescimento, se for necessário plante a semente em um vasinho e espere que ela brote. Esta planta pode ser um pé de feijão, de milho ou uma flor.

Ao observar o crescimento de uma planta, podemos nos ater ao fato de ela apenas crescer, mas se nosso olhar for direcionado veremos mais detalhes neste fenômeno. Direcionar o olhar dos alunos é tarefa do professor, por exemplo, se a planta escolhida for uma flor, podem-se fazer perguntas como:

- O que é cépala em uma flor? É a proteção que encobre o botão.
- Como está a cépala, aberta ou fechada? Se for um botão, a cépala estará fechada.
- O que acontece após uma semana? A cépala ficará aberta, é o momento do desabrochar da flor.

Experimento: basta apenas uma folha de papel e um recipiente com água. Através desta demonstração será possível entender quais materiais flutuam e por quê?

- Coloque a folha de papel sobre o recipiente com água, ela flutua? Sim, porque a superfície de contato é relativa à folha inteira, ou seja, a área é grande.
- E se amassarmos a folha em forma de esfera? Ela irá afundar, porque diminuímos sua superfície de contato.
Para um melhor entendimento, relacione a folha aos transportes aquáticos que flutuam em razão da grande superfície de contato.

Desta forma, estimulando a pesquisa, a observação de fenômenos e o experimento, além de o aluno fixar o conteúdo, ele sente motivado a buscar sempre mais, ou seja, é uma forma eficaz de aprender.

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais!
Flutua ou afunda? - Aula experimental para crianças

Orientações - Educador - Brasil Escola

Brasil Escola nas Redes Sociais