Cadastre-se

Por que álcool 70?


É preciso entender o porquê de se utilizar o álcool para a desinfecção.

O uso do álcool em gel, em nosso país, foi bastante popularizado na época em que o medo da gripe A (ou gripe suína) rondava o nosso dia a dia. Shoppings, terminais de ônibus, hospitais, restaurantes e diversos estabelecimentos, públicos e privados, dispunham do álcool 70% para que as pessoas pudessem higienizar suas mãos. Surpreendentemente, a incidência de muitas doenças infectocontagiosas diminuiu nesta época, mostrando a eficácia de tal medida.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou, no dia 26 de outubro de 2010, no Diário Oficial da União, uma resolução que torna obrigatória a disponibilização de álcool em gel para limpeza antisséptica das mãos, em todos os serviços de saúde (esse documento pode ser lido aqui).

É sabido, dessa forma, que o álcool é eficaz na proteção contra determinadas doenças. Entretanto, nem sempre é de conhecimento das pessoas o porquê do uso do álcool, e em gel; o motivo de sua concentração final ser, pelo menos, de 70%; e qual a finalidade de utilizá-lo nas mãos. Assim, o professor de Ciências ou Biologia poderá auxiliar os estudantes nessa questão, fazendo com que os mesmos sejam também capazes de orientar outras pessoas.

Eis as respostas:

- Visto que nem todas as pessoas têm o hábito de lavar as mãos, ainda mais de forma correta (esfregando dedo por dedo, além da palma e costas das mãos) - e nem sempre temos água e sabão por perto - o álcool se apresenta como uma alternativa para a higienização dessa parte do corpo.

- A utilização desse produto, em gel ou espuma, é unicamente para evitar o ressecamento da pele.

- A concentração de pelo menos 70% é exigida porque a presença de aproximadamente 30% de água, nessa solução, propicia a desnaturação de proteínas e de estruturas lipídicas da membrana celular, e a consequente destruição do micro-organismo, com maior eficiência do que em porcentagens menores ou maiores de etanol. Nesse último caso, o álcool evapora mais rápido, diminuindo o tempo em que o mesmo fica em contato com o micro-organismo, sendo, portanto, menos eficaz.

- A orientação de sempre se lavar as mãos, ou utilizar álcool, diz respeito ao fato de que elas são consideradas o principal meio de contato com diversos patógenos, uma vez que é recorrente que sejam levadas à boca e ao nariz; sejam utilizadas para tocarmos em objetos; ao espirrarmos, e também irmos ao banheiro; para preparar alimentos; e cumprimentar pessoas.

Sugestão adicional:

Após esclarecer essas questões, o professor de Biologia poderá, juntamente com o de Química, desenvolver uma aula com o objetivo de “fabricar” álcool 70%, a partir de álcoois de maiores concentrações.

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia
Equipe Brasil Escola

Biologia - Estratégias de Ensino - Educador - Brasil Escola

Brasil Escola nas Redes Sociais