Cadastre-se

Osmose na cenoura - Atividade Experimental


A Cenoura funciona como membrana semipermeável.

O objetivo dessa metodologia é realizar uma osmose e simular o processo de absorção de água pelas plantas através de suas raízes, mas antes disso é preciso definir o que é osmose:

Osmose é a passagem do solvente de uma solução já diluída para outra com maior concentração, através de uma membrana semipermeável. A principal função da osmose é permitir a passagem do solvente e ao mesmo tempo reter a passagem do soluto, esse processo pode ser realizado com o auxílio de uma membrana semipermeável, que neste caso vai ser a cenoura. Existem muitos outros tipos dessas membranas, exemplos: Papel celofane, bexiga animal, paredes de células, porcelana.

Nessa prática a cenoura fará o papel das raízes de uma planta, cuja função é transportar água para as regiões mais altas dessa planta.

Procedimento

Material utilizado: erlemeyer, tubo de ensaio, pote plástico, proveta.

Reagentes: cenoura, corante e açúcar.

Descrição do processo:

1. Padronize as cenouras, cortando suas extremidades até ficarem com aproximadamente 7 cm de comprimento, em seguida descasque-as;

2. Com a ajuda de um cano faça um buraco de 2 cm de diâmetro (da largura do tubo de ensaio) e 6 cm de profundidade, no sentido longitudinal (retirando o miolo). A cenoura irá ficar oca, mas com o fundo inteiro;

3. Prepare a solução em um erlemeyer (ou copo de boca larga): misture 10 ml de água em açúcar até obter uma solução saturada, misture 3 gotas de corante;

4. Coloque essa solução dentro da cenoura e tampe o buraco de abertura com o tubo de ensaio;

5. Em seguida coloque a cenoura dentro do pote plástico e adicione água até 1 cm abaixo da extremidade superior da cenoura;

6. Deixe em repouso por algumas horas e observe o que acontece.


Conclusão: Você irá presenciar com esse experimento que a cenoura funciona como uma membrana semipermeável em que há passagem da água pura para seu interior. Este fato é explicado pela osmose, que é definida como sendo a transferência de uma solução mais diluída (no caso a água do pote), para outra mais concentrada (solução saturada de açúcar).

A elevação do nível da solução no tubo de vidro comprova a semelhança do procedimento com o processo de absorção de água pelas plantas.

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais: 

Osmose no morango com leite condensado 

Química - Estratégias de Ensino - Educador - Brasil Escola

Brasil Escola nas Redes Sociais