Cadastre-se

Desnaturação de proteínas


Proteína após exposição a altas temperaturas

Proteínas são moléculas formadas pela união de aminoácidos, por meio de ligações peptídicas. São constituídas por carbono, oxigênio, nitrogênio e hidrogênio, podendo ou não apresentar enxofre. Possuem dobramentos que conferem a elas formas tridimensionais: estruturas secundárias, terciárias e quartenárias.

A forma da proteína determina a sua função. Assim, uma alteração estrutural poderá ser capaz de provocar deficiências em seu funcionamento. Na hemoglobina, por exemplo, a substituição de glutamato por valina, por meio de mutações, causa no indivíduo uma doença denominada anemia falciforme.

Agentes físicos e químicos podem acarretar no que chamamos de desnaturação. Esta consiste no rompimento das ligações peptídicas e/ou perda das estruturas secundárias e terciárias, podendo ser reversíveis ou não, já que provoca um re-arranjo da proteína. Esta, desnaturada, apresenta-se insolúvel em água e se precipita em soluções.

Para exemplificar a desnaturação proteica, podem ser feitos experimentos nos quais determinada proteína é exposta a diferentes condições. Para tal, utilizaremos a albumina, presente na clara de ovo.

Materiais

4 tubos de ensaio de vidro;
Albumina (ou clara de ovo);
Pinça de madeira;
Fonte de calor, como bico de bunsen ou lamparina;
Pipeta;
Ácido acético;
Solução de TCA (ácido tricloroacético) a 10%;
Acetato de chumbo;
Água destilada
.


Procedimentos

1- Adicionar 2 mL de albumina em cada um dos tubos;

Aproximar o tubo 1 da fonte de calor, utilizando a pinça de madeira para proteger as mãos da alta temperatura;

Anotar os resultados.

2- Adicionar:

- 30 gotas de vinagre no tubo 2;
- 1 mL de solução de TCA ao tubo 3;
- 3 gotas de acetato de chumbo ao tubo 4.

Anotar os resultados.

3- Adicionar 5 mL de água destilada em cada um dos tubos.

Anotar os resultados.


Interpretação e discussão

Peça para que seus alunos, em grupo, discutam e expliquem as seguintes perguntas:

1- Como podemos detectar a presença de proteína na clara do ovo?
2- O que ocorreu com a albumina, em cada uma das situações?
3- O que caracterizou a desnaturação desta proteína?
4- Em todos os casos, a desnaturação foi irreversível? Explique.
5- Como os perigos de uma febre alta podem ser relacionados ao que foi visto neste experimento?

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia
Equipe Brasil Escola

Biologia - Estratégias de Ensino - Educador - Brasil Escola

Brasil Escola nas Redes Sociais