Cadastre-se

Atividade prática para extração do DNA

O DNA é um ácido nucleico presente em todas as células dos organismos vivos, além de ser responsável por carregar toda a informação genética das espécies.

O DNA é uma molécula encontrada em todas as células vivas
O DNA é uma molécula encontrada em todas as células vivas

O DNA (ácido desoxirribonucleico) é um dos ácidos nucleicos que constituem o material genético da maioria dos seres vivos. O DNA é formado por nucleotídeos, e cada nucleotídeo é formado por uma molécula de desoxirribose, uma molécula de fosfato e uma base nitrogenada que pode ser púrica ou pirimídica.

As bases púricas encontradas no DNA são adenina e guanina; e as bases pirimídicas são citosina e timina, sendo que a adenina liga-se à timina e a guanina liga-se à citosina através de pontes de hidrogênio.

A partir da extração do DNA, será possível verificar o aspecto do DNA, observar que o DNA pode ser encontrado em diversos tipos de células e debater e aprofundar questões científicas relacionadas à genética.

Em nossa atividade prática utilizaremos a cebola, pois ela possui pequenas quantidades de pectina (que podem ser facilmente confundidas com o DNA) e por apresentar células grandes que se rompem quando a cebola é picada. Para a nossa experiência serão necessários os seguintes materiais:

  • Uma cebola grande;
  • Faca de cozinha;
  • Uma colher de sopa;
  • Uma colher de chá;
  • Dois copos;
  • Água filtrada;
  • Sal de cozinha;
  • Detergente;
  • Álcool gelado;
  • Bastão fino de vidro ou madeira bastão;
  • Filtro de café;
  • Gelo moído;
  • Local para se fazer banho-maria.

Fazendo a experiência

  • Com a faca de cozinha, pique a cebola em pedaços e coloque quatro colheres de sopa de detergente e uma colher de chá de sal em meio copo de água. Mexa bem até a solução se dissolver completamente;
  • Coloque a cebola picada no copo com a solução de detergente e sal e leve ao banho-maria por 15 minutos;
  • Retire a mistura do banho-maria e coloque o copo no gelo por cinco minutos, de forma que a solução resfrie;
  • Depois de resfriada, coe a mistura no filtro de papel e recolha o filtrado em um copo limpo;
  • A esse filtrado adicione meio copo de álcool gelado. Deixe o álcool escorrer vagarosamente pela borda, de forma que se obtenham duas fases: a superior, alcoólica; e a inferior, aquosa;
  • Com o bastão, faça movimentos circulares misturando as fases;
  • À medida que se mistura a solução, vão se formando fios esbranquiçados. Esses fios são aglomerados de moléculas de DNA.

Se o professor dispuser de microscópio, todos poderão observar os filamentos de DNA na objetiva 40.

O professor pode questionar os alunos sobre a função do sal de cozinha, do detergente e do álcool gelado utilizados na extração do DNA.

Nesse caso, o detergente, por possuir um componente chamado de lauril sulfato de sódio, desnatura as membranas lipídicas e as proteínas, desintegrando os núcleos e os cromossomos das células da cebola, separando o DNA cromossômico.

O sal misturado à água foi utilizado para neutralizar o DNA, que precipitará com o álcool gelado. O álcool gelado em solução salina proporciona uma solução heterogênea e faz com que as moléculas de DNA se aglutinem, formando a massa filamentosa e esbranquiçada.


Paula Louredo
Graduada em Biologia

  • terça-feira | 04/06/2013 | Regivalda Pere...

    boa tarde , gostei de sua pratica vou fazer com meus alunos att. regi-bióloga

Brasil Escola nas Redes Sociais