Cadastre-se

A Matemática no Ensino da EJA

A EJA (Educação de Jovens e Adultos) é uma modalidade de ensino que abrange a formação tanto de jovens como de adultos, que não tiveram o privilégio de concluir os estudos básicos na idade apropriada. A educação é um direito de todos e a EJA tem por objetivo principal integrar esses cidadãos na sociedade, garantindo o direito à educação e escolarização.

A Matemática faz parte da grade curricular da EJA, sendo de grande importância na formação do caráter sócio-educacional do educando.
Ao adentrar na modalidade de ensino EJA, o professor deve mostrar a Matemática como uma ferramenta construtora do conhecimento e não uma disciplina cheia de regras e teorias decorativas que reprova. Deve-se aproveitar ao máximo a experiência de vida do aluno, estimular ideias novas, deixar que eles busquem na sua vivência soluções para situações problemas correlacionadas ao seu meio social.

Busque avaliar o aluno de forma graduada, a EJA necessita de uma avaliação contínua e diferenciada dos modelos normais, realize trabalhos e pesquisas em sala, pois grande parte dos alunos dessa modalidade de ensino trabalha durante o dia, o que impossibilita confeccionar tarefas extraclasse, estimule o trabalho em equipe, a coletividade auxilia na busca por melhores resultados.

Mostre a importância da Matemática, o quanto ela é útil para a sociedade moderna, trabalhe com dados informativos, a interpretação e a análise de situações cotidianas contribuem para a autoconfiança do estudante.
Introduza nos planejamentos das aulas situações que envolvam os temas transversais: saúde, meio ambiente, orientação sexual, ética, relacionando-os com o ensino da Matemática.
Trabalhe a interdisciplinaridade: relacione a Matemática com outras disciplinas e áreas do conhecimento, como Biologia, Física, Química, Geografia, Contabilidade, Engenharia, Administração e etc.

Analisando, considerando e aplicando esses aspectos, o ensino da Matemática terá um resultado satisfatório, contribuindo para a formação de pessoas dinâmicas que poderão participar ativamente dos diversos ambientes de sociabilização.

“Dando oportunidades iguais a quem a vida deu caminhos diferentes”
Roberto Marinho



Por Marcos Noé
Graduado em Matemática
Equipe Brasil Escola

Matemática - Estratégias de EnsinoEducador - Brasil Escola

Brasil Escola nas Redes Sociais